segunda-feira, 14 de maio de 2007

Beber cerveja “faz barriga”?

Ao longo dos tempos, a sociedade tem perpetuado uma associação directa entre o consumo de cerveja e a dilatação da zona abdominal.

Não existe nenhum estudo que relacione directamente estes dois acontecimentos.

A dilatação da zona abdominal pode ocorrer com o consumo excessivo de cerveja, bem como com o consumo excessivo de outro alimento qualquer.

Voltando à velha citação:

“Nenhum alimento no Mundo faz mal….tudo depende da dose”

A cerveja possui, em média, 135 Kcal, que é bastante. Não se deve culpar a cerveja pelo aumenta da “barriga”, mas sim, culpar o seu consumo em excesso.

O consumo de cerveja está socialmente ligado ao convívio e confraternização principalmente à noite, o que propicia o seu consumo excessivo.

Contudo, outros factores relacionados são os acompanhamentos, que em geral, são petiscos de alto valor calórico.

Todas estas condicionantes aumentam a gordura na zona abdominal

· Consumo excessivo de cerveja

· Consumo principalmente á noite

· Petiscos de alto valor calórico como acompanhamento da bebida

Maus hábitos alimentares e ausência de exercício físico

Não se pode culpabilizar somente a cerveja, pois esta, por si só, “não tem culpa”.

5 comentários:

FoRNeiRo disse...

Outro eventual mito com a cerveja sobre o qual se poderia debruçar é: "A cerveja preta dá t..ão!", quem diz cerveja preto diz outro tipo de alimentos que estão associados a ementas mais ou menos afrodisíacas.

Será que o "picante" e outros produtos alimentares produzem mesmo o efeito desejado, ou terá mais a ver com a predisposição das pessoas ao ingerirem esses alimentos e ao facto de eles provocarem "calores" a quem os ingere?

Espero que me consiga responder e continue a desmistificar pois todos ficamos a ganhar.

red disse...

Qual será então o consumo ideal?
Uma cerveja por dia a uma das refeições é excessivo? Tendo em conta que será uma refeição saudável.

Ricardo Carvalheiro disse...

Uma cerveja por dia a uma das refeições, não apresenta perigo nenhum, antes pelo contrário, uma cerveja por dia às refeições diminui o risco de doença cardiovascular e melhora o sistema ósteo (os ossos). O máximo recomendado é de duas cervejas por dia. Ao ultrapassar esta quantidade os efeitos passam de positivos a negativos tendo cnsequencias a nível hepático, rins e sistema imunitário.

Obrigado pela sua questão.

Até sempre

Anónimo disse...

emagrece sim já fiz há um tempo atrás e emagreci sete quilos em seis dias e agora vou fazer novamente dar muita fome mais temos q ser forte quando temos um objetivo a ser alcançado tudo Vale apena
Boa sorte a todos

Anónimo disse...

Comer melancia e depois beber agua faz mal?